Sem fronteiras

Com a queda da exigência do visto na Rússia, México e Caribe francês, os brasileiros estão invadindo praias antes “proibidas”
Dólar baixo e aumento no número de voos: combinação perfeita para que mais e mais brasileiros escolham destinos no exterior para a próxima viagem. e nós viajamos - e muito. Cartão de crédito em punho, somos o povo que mais consome nos Estados Unidos e na Argentina. De olho nesse mercado em crescimento, alguns países derrubaram uma das principais barreiras que muitas vezes faziam os brasileiros desistirem de ir para um determinado lugar, o visto. Papelada, taxas consulares e o receio de ter a autorização negada (e acabar, por exemplo, com o sonho de dias de relaxamento em praias paradisíacas de St. Barth, com Kate Moss na espreguiçadeira ao lado) faziam com que, entre o Leste europeu e a Rússia, se escolhesse o primeiro. agora, dá para fazer as duas coisas - e conhecer bem a história de uma região outrora crente nos benefícios do comunismo. Para o México, era preciso até fazer entrevista pessoal no consulado. Agora, basta uma autorização eletrônica retirada pela internet. Por isso, até as companhias aéreas estão expandindo suas rotas. A TAM acaba de anunciar o lançamento até o fim do ano de um voo saindo do aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, para a Cidade do México.


RÚSSIA

Quando
Desde 7 de junho de 2010 os brasileiros não precisam mais de visto para entrar no país. mas a burocracia interna ainda existe - uma vez na Rússia, é necessário preencher uma autorização até sete dias depois da chegada.


MÉXICO

Quando
Em maio de 2010, o visto americano passou a valer para entrar no país. seis meses depois, a exigência caiu de vez e agora os brasileiros só precisam de uma autorização, o SAE, ou Sistema de Autorização Eletrônica (http://www.consulmex.sre.gob.mx/), válida para viagens de até 30 dias.


ST. MARTIN E ST. BARTH

Quando
Desde agosto de 2009, os brasileiros têm passe livre para entrar em St. Barthélémy e em St. Martin, porção francesa do Caribe.

Comentários

  1. É bom que o mundo tenha cada vez menos fronteiras para que possamos encher os olhos e a alma com novas culturas, belezas naturais e não só, viajar é das coisas mais fascinantes que temos na vida.
    Há dois anos andei num desses cruzeiros maravilhosos pelo Caribe, foi inesquecível.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Parabens pela iniciativa, blog muito legal.

    ResponderExcluir
  3. Agora estamos no mesmo caminho traçando linhas paralelas sem fronteiras, apenas o Oceano Atlântico a separar-nos. Mais gente no nosso caminho e que seja por uma boa causa. Viver e deixar viver. Fazer o que nos faz sentir bem.
    Grato pela companhia.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  4. Por onde anda pulando esta viajante?

    Sentimos tua falta.

    Beijos.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

JOÃO PESSOA ,PARAIBA -BRASIL

DRONE DJI MAVIC PRO